terça-feira, março 4

É tudo mentira #2



Ninguém quis ficar.
As marcas eram leves e facilmente desvaneciam.
Nenhum dos dois tinha aprendido; nenhum dos dois sabia o que era ou como se sentia.
Nenhum, dos dois, sabia amar.

Sem comentários:

Enviar um comentário